11 dicas para os restaurantes ganharem a confiança dos clientes na pandemia

O novo jeito de trabalhar o marketing digital dos restaurantes para ganhar a confiança dos clientes chegou. A quarentena temporária assustou o mercado de restaurantes. Esse cenário, nunca visto, pode ficar intermitente, de acordo com o biólogo Átila Iamarino, e durar dois anos. Muitos estabelecimentos começam a se preparar. É um tempo longo, que prenuncia uma nova maneira de comercializar para os restaurantes e também para outros empreendimentos comerciais.

O coronavírus está inaugurando uma nova era.

Os proprietáros já perceberam que se quiserem continuar no mercado precisam urgentemente ganhar a confiança dos clientes e mostrar nas suas redes sociais que estão adaptados ao novo modo de produzir e distribuir produtos.

Que novo modo é esse?

Higiene

O padrão de higiene passa a ser relevante, mais do que era. O comportamento dos funcionários e fornecedores é o foco dos consumidores. A eliminação de possíveis pontos de transmissão de vírus e bactérias precisa ter destaque tanto quanto o preparo dos alimentos. O cliente quer essa garantia: produto, embalagem e transporte sem contaminação, só assim continuará comprando de quem sempre comprou, mesmo que seja pelo serviço de delivery dos aplicativos.

Delivery

Mas, pode-se pensar que somente os aplicativos de delivery farão o produto circular. É parte da verdade. Os aplicativos de entrega cresceram em importância, mas sem a mídia social, que é o meio mais barato, rápido e eficiente para fazer o seu restaurante estar na cara ou na palma da mão do seu consumidor, ele não vai lembrar de você. O marketing digital e a redes sociais tornam-se mais essenciais ainda. Nas redes sociais, você deve mostrar aos seus seguidores e fãs o cuidado que você tem na relação com fornecedores, funcionários, terceirizados, local de produção, assim o consumidor se sentirá mais confiante e você ganhará pontos e mais pedidos que a concorrência.

11 dicas

São dicas pesquisadas em restaurantes da Europa e dos Estados Unidos que têm esse problema em escala muito pior que no Brasil. Algumas parecem óbvias – e já são praticados regularmente por quem trabalha com seriedade e respeito pelo cliente – porém, podem ser pontos de partida para o seu marketing digital dos restaurantes, afinal essa mudança já começou.

1- Quando estiver resfriado restrinja os contatos

Nem todo espirro é ocasionado pelo coronavírus, mas os cuidados devem ser redobrados. Todos que acessam suas instalações devem adotar novo procedimento nesse caso. Por exemplo, é recomendado que se use máscara de proteção; que não entre em contato com clientes do grupo de risco, (maiores de sessenta anos e portadores de doenças como diabetes, asma etc.), e nem com pessoas em situação de quarentena. Crie um informativo desse procedimento e mostre nas suas redes sociais, seus clientes se sentirão mais seguros.

2 – Desenvolver questionário básico para entender a condição dos seus clientes

No questionário, não faça pergunta que envolva, por exemplo, a coleta de dados relativos a viagens, o estado de saúde e outras informações relacionadas à esfera privada, mas que minimamente possibilite que seu trabalho seja feito com mais segurança. Se necessário divulgue o questionário no seu site para que os clientes entendam o objetivo das perguntas e respondam com tranquilidade quando forem inqueridos. Aqui você pode usar, dentro da técnicas do marketing digital, a classificação de cada cliente para enviar procedimentos da sua empresa diretamente pelo e-mail ou pelo whatsapp business.

3 – Educar os funcionários a lavar as mãos com frequência

E de maneira apropriada, por isso insira a lavagem frequente das mãos com água e sabão líquido por pelo menos 20 segundos nas recomendações da higiene pessoal. Se não for com água e sabão, o uso do álcool gel é apropriado (concentração de álcool de 70% no mínimo). Quando em contato com fornecedor disponibilize álcool gel para a higiene dele. Mostre nos posts o material de higiene à disposição dos usuários.

4 – Higienizar as superfícies

Inserir nas regras o uso de desinfetantes adequados para a higienização das superfícies, incluindo aqueles que contenham 70% de álcool (etanol) ou 1% de cloro. Filme o produto sendo aplicado e publique no perfil.

5 – Se o estabelecimento já estiver aberto ao público

Implemente uma série de medidas preventivas. Higienize mesas, cadeiras, itens da mesa e substitua a toalha na troca de clientes. A toalha deverá ser destinada à lavagem com desinfetante. É recomendado também o uso de toalhas descartáveis. Os talheres embalados individualmente em plástico transparente.

6 – Aplique medidas restritivas aos fornecedores

Quando os fornecedores de alimentos chegarem, use luvas descartáveis para manusear as embalagens dos produtos recebidos. Sempre que possível, antes de armazenar alimentos na despensa, tire os sacos ou caixas de papelão (embalagem primária) dos alimentos, em seguida, descarte-os sem introduzi-los no depósito do seu estabelecimento. Faça uma live recebendo os produtos, utilizando essa técnica do marketing digital dos restaurantes você vai fazer sucesso e ganhar credibilidade.

7 – Evite o contato físico tradicional

Sensibilize os seus funcionários para que evitem ações como apertos de mão, abraços, beijos ou qualquer outro tipo de ação que envolva contato físico com partes do corpo ou roupas de clientes e dos outros trabalhadores e fornecedores do restaurante.

8 – Limite o número de clientes dentro do seu estabelecimento

Para quem tem loja aberta, uma hora elas voltarão a abrir, é preciso permitir a entrada apenas para assentos existentes, (crie sistema de reservas). É bom colocar sinalização para que os clientes respeitem a distância entre eles de pelo menos um metro, hoje comum em muitos supermercados. A ordem é não ter aglomeração dentro ou fora do estabelecimento.

9 – Higienizador de mãos deve estar visível

Coloque na entrada o dispensador de parede, com álcool gel 70%, para facilitar o uso de quem circula no local. Nos banheiros, higienizados com frequência, além do sabão líquido para limpeza, disponibilize um dispensador adicional para desinfecção das mãos.

10 – Pratos prontos evitam aglomeração de clientes

Substitua o autoatendimento, self service, por porções prontas, cujos itens podem ser escolhidos e serão servidos diretamente em uma única porção pela equipe designada para o serviço. Documente em vídeo e destaque nas redes.

11 – Estimule o serviço de delivery próprio ou dos aplicativos

Muitos clientes, depois da abertura do estabelecimento, não se sentirão seguros e preferirão o delivery. Se preferir ter o próprio serviço de entrega, mantenha a orientação aos entregadores para seguir todas as boas práticas de higiene. Instrua o entregador a reduzir o contato físico com o cliente e ser breve, sem prolongar conversas. Além disso, nas motos ou bicicletas é importante manter a bag, o guidão e outros materiais, equipamentos e máquinas (ex. maquininha de cartão), sempre desinfetados com álcool 70%. Documente com vídeo essas ações, se possível com lives, e publique nas suas redes sociais.

Aprenda sobre marketing digital dos restaurantes para ter mais clientes

Não deixe de aprender sobre marketing digital e aplicar as técnicas permitidas nas redes sociais para ampliar e manter sua clientela. Aproveite esse momento para se capacitar e fazer um curso sobre marketing digital e conhecer todas as técnicas mais utilizadas nas redes sociais. Segue mais uma dica, conheça o Fórmula de Negócio Online você aprenderá a ter um negócio on line ou usar as técnicas para fortalecer sua comunicação nas redes sociais. Clique aqui e conheça o FNO

Se você tiver uma outra sugestão ou dúvida, coloque nos comentários ou mande e-mail para [email protected]