ATITUDE
- Edição 73 - Jun/2008
Jean Massumi

Massagem e Amamentação

O tema desta coluna pode parecer estranho, mas existe uma relação interessante entre massagem e a dificuldade de amamentar. Sei que existem várias causas para essa dificuldade, vou me concentrar em uma: mulheres com o mamilo plano.

A maternidade gera transformações significativas no emocional e no físico de qualquer mulher. Amamentar virou um verbo de intimidação, pois é quase um crime a mamãe não conseguir com o seio nutrir seu filho. Mas será que é tão fácil assim?

E as mulheres com pequenas variações anatômicas?

Na ânsia de cumprir esse papel, recorre-se a qualquer artifício, principalmente, indicações de amigos e parentes. É bico de silicone, concha furada, bomba de sucção - estes são alguns dos recursos para se produzir uma protuberância e facilitar a amamentação.

Mas, para algumas pessoas esses artifícios só pioram o quadro, pois acumulam o leite, deixando a aréola muito entumecida, dificultando a pegada do nenê. Fora a dor que acompanha... Esta dor gera até traumas emocionais, tamanha a intensidade.

O que vou sugerir é uma massagem que funciona como uma pequena ordenha:

1 - Devemos desinfetar bem as mãos;

2 - Colocar a mão aberta sobre o seio e deixar o mamilo entre os dedos anelar e médio, fazendo movimentos suaves de rotação. Cuidado para não beliscar os mamilos!

3 - Deslizar suavemente a ponta dos dedos sobre o seio, no sentido da base para os mamilos.

4 - Com o indicador e o polegar esticados em pinça, fazer movimentos de ordenha (da aréola para o mamilo) por cerca de 20 minutos. O objetivo é extrair o leite concentrado nas extremidades, "murchando" o bico e facilitando o bote do nenê.

É bem dolorido no começo e sai muito leite. Mas não se preocupem, é que o corpo está produzindo bastante. Antes de cada mamada, fazer um pouco de massagem.

Sei que muitos vão duvidar dessas palavras, mas falo com a alegria e humildade de quem foi agraciado com um filho há 3 semanas!

Obrigada e até a próxima!


Comentários
Inclua um comentário











 
Todos os direitos reservados - Pedaço da Vila - 2019