UMAS E OUTRAS
- Edição 105 - Mai/2011
Sabrina Haick

Negócios no Exterior

O Brasil é considerado a sexta maior potência econômica do mundo e o oitavo mercado consumidor de produtos industriais. Impulsionado pela Copa do Mundo de 2014, pelas Olimpíadas de 2016 e pela descoberta do pré-sal, nosso país chama a atenção do mundo — até Barack Obama passou por aqui! Diante do benéfico panorama, os alunos do curso de Relações Internacionais do Centro Universitário Belas Artes — entre eles, as moradoras do pedaço Daniela Garro Souza e Mônica de Souza (na foto à frente) — querem colocar em prática o que estão aprendendo.

A empresa júnior tem nome: Acesso International Business, e seus "funcionários" querem divulgar seus serviços a empresas de pequeno porte, aqui do pedaço, que queiram ampliar seus négocios e abrir mercado em outros países.

Entre os serviços prestados pela turma, que já tem parceria com uma escola de francês e um restaurante, está a consultoria sobre o aspecto cultural. "Procuramos amenizar o choque de culturas, esclarecendo a questão étnica dos países. Isso facilita a atuação da empresa que quer exportar", explicam os alunos. Eles, que se preparam para atuar em embaixadas, representações do governo no exterior, câmaras de comércio, instituições financeiras, culturais e educacionais, institutos de pesquisa, terceiro setor etc., mostram-se entusiasmados com o bom desempenho do Brasil atualmente.

Para a professora Luciene Godoy, coordenadora da Acesso International Business, a importância que a experiência confere aos alunos fará a diferença quando eles entrarem no mercado de trabalho. "Essas atividades, como a necessidade de cumprir prazos e o relacionamento com o cliente, possibilitam ao aluno adquirir experiência corporativa sem sair da faculdade. Eles recebem comprovantes de que trabalharam na empresa, além de serem incluídos em diversas atividades realizadas pelos outros cursos da Belas Artes."

Reconhecido com 3 estrelas no Guia do Estudante e avaliado com nota máxima pelo MEC, o curso de Relações Internacionais da Belas Artes oferece a infraestrutura necessária para administrar a empresa, dispõe de um fórum on-line informativo e inclui o aluno em eventos do setor, inclusive um encontro mensal com a comunidade de estrangeiros que trabalham em São Paulo: "Já contamos 34 nacionalidades em um desses eventos", animam-se os estudantes.

Mais informações: www.belasartes.br/aib e http://acesso-international.blogspot.com (blog).

Contato pelo e-mail acesso@belasartes.br. Rua Álvaro Alvim, 130, casa 13 — Vila Mariana.


Comentários
Inclua um comentário











 
Todos os direitos reservados - Pedaço da Vila - 2018