ATITUDE
- Edição 105 - Mai/2011
Denise Delfim

FIM DAS SACOLAS PLÁSTICAS

Um acordo entre o governo estadual de São Paulo e as empresas supermercadistas da região prevê extinguir o uso de sacolas plásticas em todo o Estado até o final do ano. A medida não terá força de lei e é o resultado de um compromisso firmado entre representantes do varejo e do governo.

São Paulo será o primeiro a banir o uso das sacolas plásticas em todo o estado. A medida já acontece em algumas cidades de grande porte do País, como em Belo Horizonte, que desde o mês passado, graças a uma lei municipal, proíbe o uso de sacolas plásticas em todo o comércio da cidade

Como alternativa para a substituição das sacolas, por todo o Estado serão vendidas, a R$ 0,19, embalagens ecológicas, confeccionadas com amido de milho. O material é considerado um "plástico ecológico", que se decompõe em até dois meses. Além disso, os supermercados deverão firmar parceria com ONGs e entidades assistenciais para a venda de sacolas retornáveis de pano com a grife das organizações, ao preço de R$ 1,80.


Comentários
Inclua um comentário











 
Todos os direitos reservados - Pedaço da Vila - 2019