ATITUDE
- Edição 90 - Dez/2009
Denise Delfim

Direitos e Deveres da Vida

 

Vocês sabiam que 25% da população adulta da Vila Mariana é maior de 60 anos?

No dia 18 de novembro, um grupo representativo desse público, formado por alunos e ex-alunos da UATI (Universidade Aberta da Terceira Idade - UNIFESP), professores da UNIFESP e da UMAPAZ reuniram-se com o ECOBAIRRO/Ecomaturidade, no Parque Ibirapuera. Foi uma jornada de trabalho de cerca de oito horas, e o resultado deste rico e inédito encontro foi a produção, em conjunto, de uma Carta Aberta, em que estão enumerados os deveres dos idosos para um exercício de maturidade sustentável. Foram destacados:

Na política, conscientização dos deveres e dos direitos dos idosos e a criação de mecanismos para sua participação mais direta nas decisões políticas da Vila Mariana.

Na educação, definiu-se a oficialização da participação dos idosos na educação em regiões carentes; a construção de mecanismos oficiais para a criação de empregos para os idosos; a oficialização de mais cursos para a educação contínua dos idosos; a formalização da colaboração de idosos nas escolas primárias com objetivo de aprimorar o contato intergerações e divulgar as tradições.

Na cultura, o destaque foi para o reconhecimento do papel dos idosos como fontes de memórias históricas e a promoção de intercâmbio cultural entre eles.

Na área de comunicação, foram definidas a adequação dos manuais de equipamentos eletrônicos, trazendo instruções escritas de modo adequado para pessoas idosas; a promoção de "rodas de conversa" com pessoas idosas em espaços públicos, com segurança; e a mudança da imagem da pessoa idosa na mídia.

Em relação à espiritualidade, a inclusão desse tema nas várias atividades que envolverem pessoas idosas e a capacitação de um grupo de idosos para a promoção de meditação entre pessoas de sua mesma faixa etária.

Já na saúde, três itens tiveram destaque: a criação de grupos de enfermagem especializada em idosos, nos serviços de saúde comuns; a divulgação de lugares para prática de medicina alternativa; e a divulgação de práticas de exercícios físicos.

A economia também teve seu debate, sendo que três questões foram focadas: a criação de cooperativas de trabalho; a criação de banco de dados com a capacidade das pessoas idosas nas várias áreas de trabalho; e a valorização do trabalho voluntário que esse público faz, geralmente.

Outro ponto destacado foi a ecologia: a inclusão do cuidado com o meio ambiente entre os deveres dos idosos; estes como multiplicadores para essas questões e como disseminadores do consumo consciente para toda a sociedade.

A Cultura de Paz, tão importante para esses dias, verificou as seguintes temáticas: o respeito com os ciclos da vida; a melhoria da comunicação com filhos, netos e vizinhos; e a promoção de caminhadas em grupos, falando de paz.

No fim da reunião, todos ficaram muito felizes com o seu comprometimento para um mundo melhor!!! E aproveitaram para desejar um Natal e um 2010 cheios de paz, energia, generosidade e estímulos para fazermos, efetivamente, um mundo muito melhor para as gerações que estão por aqui e as que estão por vir!

 

Beatriz Vera Pozzi Redko

Coordenadora do Ecomaturidade

Uma iniciativa do Programa Permanente Ecobairro

www.ecobairro.org.br


Comentários
Inclua um comentário











 
Todos os direitos reservados - Pedaço da Vila - 2019